segunda-feira, 16 de setembro de 2013

O Fim dos Tempos


Texto: Mat. 24:1-14; Dan. 9: 20-27; 12: 7

Introdução: O profeta Daniel e posteriormente Jesus, descreveram os sinais dos últimos dias da história humana. Jesus descreveu estes dias como princípio das dores de parto (Mt. 24:8). Reflitamos nestas palavras, para cuidarmos de estar fiéis até a morte.

1) – Tempos de falsos cristos, falsos profetas, impostores e enganadores (4, 5, 11).
Religiões que pregam heresias tem surgido em todos os lugares, pessoas que se dizem ser o Cristo, inclusive aqui no Brasil, pessoas que profetizam visando unicamente usufruir benefícios pessoais, que enganam, dividem as igrejas causam tristezas e angústias (Mt. 7:15-23; II Jo. 7-11; Jd. 14-25).

2) – Tempos de guerras e rumores de guerras (6,7).
Durante os cem anos do século vinte o mundo teve somente três dias sem nenhum conflito armado. Vivemos a ameaça de guerra entre EUA e Iraque, entre árabes e Israel por causa da Palestina, guerras tribais na África e Afeganistão, Índia e Paquistão por causa da Caxemira, Guerrilha na Colômbia, conflito religioso na Irlanda entre católicos e protestantes.

3) – Tempos de pestes – ebola, aids, dengue, cólera, malária, gripes e outras. Lc. 21:11 - “E haverá em vários lugares, grandes terremotos, e fomes, e pestilências; haverá também coisas espantosas e grandes sinais no céu”.

4) – Tempos de fome (7).
Gasta-se mais com cães e gatos do que com pessoas necessitadas. As periferias das cidades são a imagem da miséria humana. O nordeste brasileiro é constantemente assolado pela fome. Na África uma grande parte da população está subnutrida.

5) – Tempos de terremotos em vários lugares (7).
Durante o século vinte aconteceram mais terremotos do que em todos os séculos anteriores.

6) – Tempos de torturas, tribulações e martírios, onde muitos abandonarão ao Senhor Jesus.
O evangelho tem sido perseguido através de leis injustas como a lei do silêncio em Vitória. Nos países muçulmanos os cristãos são perseguidos e mortos. As muitas tribulações, as lutas pela sobrevivência têm levado os mais fracos a abandonarem o evangelho da salvação. 

7) – Tempos de escândalos, traições e ódios (10).
Escândalos de corrupção nos governos, igrejas, empresas. Nas famílias vemos traições, divisões, ódios, porfias. Contendas entre os povos, disputas comerciais, por terras, por princípios religiosos. Ódio e disputas entre tráfico de drogas nas favelas e nos presídios.

8) - Tempos de escárnio e iniqüidade e forte desamor, conseqüentemente, o amor a Deus diminui e aumenta a violência e a criminalidade (12).
O quadro de violência descrita nos jornais é tão grande que já não traz impacto aos leitores. Falta amor na família, na igreja e entre os povos.

9) – Tempo de pregar o evangelho do Reino por todo mundo (14).
Temos a responsabilidade de pregar o evangelho da Salvação no Brasil e em todo o mundo (Mt. 28:19-20).

Conclusão: O quadro descrito acima, através de uma Palavra Profética proferida por Jesus a quase dois mil anos atrás, retrata a época que estamos vivendo. Creio que fazemos parte da última geração antes do arrebatamento da igreja. É tempo de vigilância e perseverança. O Reino de Deus é tomado através do esforço. É necessário empenho, perseverança, não olhar para trás como a mulher de Ló e confiar inteiramente na Palavra de Deus para que tenhamos força e direcionamento para perseverarmos até o fim (Mt. 24:13).

Um comentário:

  1. Olá!

    Finalmente, chegamos à metade da Série Salvação e à publicação do BlogFpM que tanto estávamos aguardando. A pergunta que você deve responder é: Jesus é o Messias?

    Imagine você evangelizando, e uma das pessoas pergunta para você, como saber se Jesus Cristo é o Messias, qual seria a sua resposta? Você pode responder como Estevão (Atos 7), e passeando pelas Escrituras, mostrar que Jesus é, sim, o Messias!

    #156 - JESUS É O MESSIAS?

    Não devemos confiar em nosso conhecimento, como se por ele fossemos convencer aos perdidos, mas devemos anunciar o Evangelho cheios e pelo poder do Espírito. Por isso, devemos examinar as Escrituras e manter nossos corações em Cristo, para que possamos responder a quem quer que nos pergunte, sobre a esperança que habita em nós (1 Pedro 3:15).

    #JesusMessias #YeshuaHamashia #JesusMessiah

    ResponderExcluir